segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Eternizando





" Não se pede ao contador um pedaço da vida cotidiana...mas um grande pedaço de sonho."
                                                                                                              Henri Verneuil



São assim as histórias contadas
pedaços de lugares 
ou de pessoas que nem sabemos mais onde estão
mas que vivem eternizados nas palavras e gestos da contação.




4 comentários:

Olímpia Bezerra disse...

Oi amiga Lia! Amei quando vi o seu recadinho no meu blog. Pena que eu não conegui ver nenhum e-mail seu na minha caixa de entrada. Pode ter certeza que se tiver ao meu alcance eu a ajudarei. Você pode enviar outro recado ou enviar outro e-mail se preferir. Vou deixar outro endereço. Ficarei aguardando!

m_olimpia@ibest.com.br

Olha, pegue o selinho da campanha "Comente" no meu blog e participe também!
Beijos!

Eliane disse...

Oi adorei receber o teu recadinho e quis vir aqui também! Onde tem um contadore de histórias,tem riso,choro,sonho... tem amor! Amei Bjss Parabéns! acora vou seguir sempre!

Clarinha disse...

Lia, muito obrigada pelo gentil comentário no meu blog. E seja bem-vinda!!! :)

Meg disse...

Obrigado pelo comentário no meu Blogg, ao meu poema "Afrodite".
De facto não sou poeta, mas reconheço que você é uma boa contadora de histórias, que deveriam ser reunidas num livrinho.Se permite vou ler algumas aos meus alunos.
Vou passando e apreciando...
beijão
meg